EDIFÍCIO IBIRAPUERA, 2019

Edifício de uso misto, num bairro tombado pelo instituto de patrimônio histórico do Estado de Sao Paulo, esse empreendimento conjuga unidades residenciais e corporativas, com a utilização do nível térreo para lojas e atividades comerciais, bem como uso coletivo para as habitações.

O primeiro andar foi dedicado aos escritórios, com acesso independente, que podem usar o pavimento de forma flexível, para uma só empresa ou diversas unidades, todas voltadas ao jardim interno e à rua.

Os outros seis andares serão ocupados exclusivamente pelos apartamentos, com a circulação voltada ao interior do edifício, criando um átrio central iluminado e ventilado.

Um terraço em cada andar, próximo à saída dos elevadores, abre o edifício à cidade.

local são paulo, sp

ano 2019

arquitetura UNA MUNIZVIEGAS cristiane muniz, fernando viégas

colaboradores joaquin gak, larissa urbano, manuela raitelli, matheus pardal, estudio +1

consultoria em legislação h2 arquitetura